terça-feira, 27 de outubro de 2015

New Metamaterial Transmits Light With No Energy Loss



Very soon we might be able to say good riddance to the overheating laptops, phones and tablets that we deal with every day. Electrons carry information around circuits but lose energy as heat during transmission. Electrons are the best thing we have right now for computing, but in the near future we could wave goodbye to electronics and welcome photon, or light, communication that will be both faster and cooler. There are still few hurdles before we can get this technology in every home and every pocket, but one of its limitations was just solved by the development of a new metamaterial. Read more.

The search begins: a telescope array is now focussing in on 'alien megastructure' star



Last week, astronomers made a fascinating discovery: a strange pattern of light surrounding a distant star called KIC 8462852 that cannot be explained. When a planet orbits a star, the star’s brightness will usually only dip by 1 percent, but whatever is passing erratically by KIC 8462852 is causing it to dim by up to 22 percent. Something very, very big is out there, and scientists have offered up everything from a huge mass of comets to yep, even aliens, as possible explanations. Read more.

The Real Reason Leaves Change Color In the Fall


:)



sexta-feira, 9 de outubro de 2015

terça-feira, 6 de outubro de 2015

Nobel da Física de 2015 para cientistas que mostraram que os neutrinos têm massa




O Prémio Nobel da Física 2015 foi atribuído a dois físicos pela "descoberta das oscilações dos neutrinos, que mostra que os neutrinos possuem uma massa", anunciou esta terça-feira em Estocolmo a Real Academia das Ciências Sueca. Os premiados são o japonês Takaaki Kajita (n.1959), da Universidade de Tóquio (Japão); e o canadiano Arthur McDonald (n.1943), professor emérito da Queen’s University (Canadá).
Os neutrinos estão por todo o lado. Milhões de milhões destas partículas atravessam o nosso corpo a cada segundo sem darmos por elas. De facto, os neutrinos interferem muito raramente com a matéria – e detectá-los é uma árdua tarefa. Ler mais.

Project Apollo Archive: 10 mil imagens da exploração da Lua



Edwin “Buzz” Aldrin com um (imenso) fato de astronauta a pisar a Lua, a 20 de julho de 1969. No reflexo do seu capacete, Neil Armstrong, o homem que o fotografa. Esta é uma imagem que quase dispensa legendas e que se tornou icónica da exploração espacial. Esta é uma das 10 mil novas imagens das missões Apollo à Lua.. E foram todas carregadas na rede social Flickr, explica o L’Express.
O álbum de fotografias da NASA foi publicado não pela agência espacial norte-americana, mas antes por Kipp Teague, um apaixonado pelo universo da conquista espacial. Através do “Project Apollo Archive” em 1999, o atual diretor dos sistemas administrativos e serviços de rede no Colégio de Lynchburg (Estados Unidos) começou a reunir as imagens digitalizadas da Johnson Space Center. Ler mais.