terça-feira, 22 de maio de 2012

Explicado o azul perfeito da arara-escarlate

Há o azul do mar e do céu, e há o da vida. A evolução brinca e, durante milhões de anos, as estruturas e os pigmentos aperfeiçoam-se e as cores nascem. Por isso, há o azul dos olhos, das flores do jacarandá e da arara-escarlate. Uma equipa da Universidade de Fudan, em Xangai, estudou a estrutura das penas responsável pela cor desta ave e conseguiu imitá-la utilizando um modelo matemático baseado no silício. A explicação de como aparece este azul perfeito vem num artigo na edição desta semana da revista norte-americana Proceedings of the National Academy of Science. Ler mais. (Retirado do  Público, 22 de Maio de 2012)

Sem comentários: