segunda-feira, 17 de maio de 2010

Laser foi inventado há 50 anos

Laser é uma sigla inglesa que, traduzida, significa amplificação da luz por emissão estimulada de radiação. Foi esse dispositivo, sem o qual hoje já não poderíamos viver, que o físico norte-americano Theodore Maiman inventou em 1960. Passam 50 anos.

O primeiro véu da descoberta foi levantado por Albert Einstein em 1916, a partir das leis do nobel Max Planck, pai da física quântica e autor do segundo teorema fundamental da teoria mecânica do calor. Einstein já desconfiava que a luz poderia ser concentrada num único raio.

Mas a teoria acabaria por ficar esquecida até ao final da Segunda Guerra Mundial. Quase meio século depois, com estudos intercalares de Charles Hard Townes (que inventou o Maser, que significa amplificação de microondas pela emissão estimulada da radiação e tem o mesmo princípio de funcionamento) e dos soviéticos Nikolai Basov e Aleksander Prokurov sobre a mesma tecnologia (publicam um artigo onde demonstram que é possível usar o princípio do maser para produzir luz visível), é Theodore Maiman quem revela então ao Mundo o primeiro laser nos laboratórios de pesquisas Hughes, na Califórnia, nos Estados Unidos. Ler o resto da notícia. (Retirado, JN, 17 de Maio de 2010)

Sem comentários: