quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Borboletas migratórias têm bússola interna

Dois estudos, recentemente publicados – um na «Science» e outro na «Nature» –, sugerem que aves e outros animais migratórios se regem pelo campo magnético terrestre para se orientarem e chegar mais depressa ao destino.
As borboletas que migram do Norte da Europa para o mediterrâneo, no Outono, como as Autographa gamma, por exemplo – e inversamente durante a Primavera –, não se deslocam ao sabor do vento; e o estudo original determina que estes insectos sabem como aproveitar rapidamente para viajar e corrigem o seu destino caso o vento não sopre de feição. Ler o resto da notícia. (Retirado do CiênciaHoje, 10 de Fevereiro de 2010)

Sem comentários: