terça-feira, 5 de maio de 2009

Físicos portugueses descobrem cinco novas partículas

Uma equipa de físicos portugueses das Universidades de Coimbra e Lisboa descobriu cinco novas partículas subatómicas, chamadas "mesões", que um dos seus autores comparou a notas da partitura de uma nova música.
"Vejo tudo isto como pautas em que tentamos descobrir música a partir de poucas notas", disse hoje à Agência Lusa o físico teórico português de origem holandesa Eef van Beveren, do Centro de Física Teórica da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.
"O que nós fizemos foi descobrir mais cinco e isso significa que temos agora uma sequência de 11 notas numa linha e isto já dá para descobrir qual é a música que está ser contada", afirmou Eef van Beveren. "A partir disto vamos fazer a sugestão de qual a música que está em todas as pautas".
O estudo, já aceite para publicação pela revista EuroPhysics Letters - uma revista europeia de referência no domínio da Física -, foi feito a partir de um modelo matemático único desenvolvido por van Beveren e George Rupp para decifrar os resultados de uma experiência realizada num acelerador de partículas japonês por um consórcio internacional de investigadores conhecido por Grupo Belle. Ler o resto da notícia. (Retirado do Diário de Notícias, 5 de Maio de 2009)

Sem comentários: