quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Um dispositivo repelente de adolescentes!

O "Mosquito", um polémico emissor de ultra-sons destinado inicialmente a lutar contra a delinquência juvenil, vai ser aprovado para ser audível por todas as idades, anunciaram terça-feira os fabricantes.
Introduzido no Reino Unido em 2005, o "Mosquito" é um aparelho que emite sons a alta frequência - 17 kilohertz - que não são audíveis por pessoas com mais de 25 anos. Mais de 9.000 exemplares do aparelho fabricado pela sociedade galesa Compound Security System, foram vendidos em todo o mundo.
A maioria destes aparelhos está instalada nas imediações de supermercados, ou em locais onde os jovens habitualmente se reúnem, com o objectivo de afastar os potenciais delinquentes.
Ler o resto da notícia.
(Retirado de IOL Diário, 3 de Dezembro de 2008).


Sem comentários: